masculinidade

biblica

.com

Esta é a terceira das seis petições da oração que o nosso Senhor Jesus Cristo nos ensinou.

Ela é um clamor para que a vontade de Deus seja a força dominante e visível na terra e nos céus. Ela nos chama a renunciarmos a nossa vontade como filhos e súditos santificados do Reino que está agora e que ainda virá plenamente.

Somos chamados a nos dobrarmos diante do Rei como os anjos nos céus e demais criaturas celestiais.

Mas não é fácil fazermos a vontade de Deus. Nós vivemos agora numa constante luta entre seguir a vontade santa de Deus ou a nossa própria vontade pecaminosa.
Paulo disse em Romanos 7: “pois o querer o bem está em mim; não porém, o efetuá-lo”.

A carne faz guerra contra o Espírito que está em nós e contra as coisas de Deus.

Então, aqui vão alguns conselhos para ajudar o homem cristão a desistir de si mesmo.

Em primeiro lugar ore esta oração com arrependimento e pela graça de Cristo. Que a Lei de Deus se torne dominante neste mundo, mas que EU primeiramente seja dominado por ela, assim como fui comprado por Cristo para este fim.

Segundo, medite na vontade de Deus expressa nesta Lei, nos Dez mandamentos. A lei que deve dominar o homem cristão.
Dedique tempo para ler e estudar estes mandamentos. Seja como o salmista no salmo 119: “quanto amo a tua lei, é a minha meditação de dia e de noite

Terceiro, busque aplicar os Dez Mandamentos em tua vida.
Algumas áreas de aplicação desta lei são:

  • Meu dia a dia. Verifique que tipo de ídolos você tem cultuado no dia a dia, deixando assim o verdadeiro Deus abaixo ou ao lado deles. Será que o dinheiro? Será que o entretenimento? Será que são os prazeres imorais e pecaminosos?
  • Cultue. Muitas pessoas tem muitas desculpas para não se dedicarem ao culto privado, ao culto com a família ou na igreja. Mas é a vontade de Deus que estejamos enchendo nossa casa espiritual, nossa família e a nossa igreja de Deus. Na igreja busque estar certo de que o elemento central no culto é a sua Palavra e que os louvores sejam Bíblicos. Assim você também descansará tanto para recarregar suas baterias para mais uma semana, quanto descansará no evangelho de Cristo.
  • Trabalhe. O livro de provérbios adverte bastante sobre o pecado da preguiça. Trabalhe como as formigas, seis dias na semana. Desenvolva. Prospere. Sirva. A vontade de Deus desde o início da criação é trabalhe.
    Não permita que a preguiça e a procrastinação dos nossos dias dominem você. Se você é uma pessoa que produz pouco em muitas horas, busque se organizar e estabelecer prioriadades. Busque usar o seu tempo da maneira mais produtiva possível. Seja um filho do reino que trabalha e produz algum bem.
    Seja um filho do reino que trabalha para que outros sujeitem-se a vontade de Deus pelo evangelho. Não se divorcie deste mundo quando é desejo de Deus que todos se sujeitem a Sua Lei.

Espero que você siga esses conselhos. Não seja como os que oram “faça a tua vontade ó Deus”, enquanto por outro lado é algum tipo de barreira contra essa vontade. E que Deus em tudo te ajude.

Compartilhe!

Deixe um comentário